Sl 17

From Biblia: Os Quatro Evangelhos e os Salmos
Jump to: navigation, search

17(16) Oração de um inocente

 

1 Oração. De David.


Escuta, Senhor, o pedido de justiça[1],

atende ao meu clamor;

dá ouvidos à minha oração,

que não é de lábios mentirosos.

2 Que a minha sentença venha de ti;

sejam os teus olhos a ver o que está correto.

3 Examina o meu coração, inspeciona-o de noite;

põe-me à prova de fogo e não verás maldade em mim.

4 A minha boca não cometeu:as transgressões próprias de seres humanos.

Conservei-me fiel às palavras da tua boca.

5 Pelos atalhos da violência dá firmeza aos meus passos;

que os meus pés não vacilem nos teus caminhos.

6 Eu te invoco; responde-me, por favor, ó Deus!

Inclina para mim o ouvido. Escuta as minhas palavras.

7 Com um dos teus prodígios de fidelidade,

salva dos agressores os que se refugiam à tua direita.

8 Guarda-me como a pupila dos teus olhos,

esconde-me à sombra das tuas asas,

9 longe dos malfeitores que me agridem,

dos inimigos mortais que me assediam.

10 A gordura fechou-lhes o coração[2]

e a sua boca fala com arrogância.

11 Seguem agora os meus passos e cercam-me;

fixam os olhos em mim para me atirarem por terra.

12 São semelhantes a um leão que espera a presa,

um jovem leão, deitado no seu esconderijo.

13 Levanta-te, Senhor, enfrenta-o e derruba-o;

com a tua espada, livra-me do malfeitor;

14 com a tua mão, Senhor, livra-me desta gente,

de homens que põem a sua esperança nesta vida.

Com os teus bens lhes enches a barriga;

os seus filhos ficam saciados
e deixam para os descendentes o que lhes sobra.

15 Eu, porém, pela justiça, hei de contemplar a tua face

e, ao despertar, saciar-me com a tua imagem[3].



  1. O título de oração quadra bem com este salmo individual de súplica: alguém que, sabendo que está inocente, vê que está a ser injustamente acusado. Por isso espera que a justiça lhe venha da intervenção de Deus. A serenidade, no final, é descrita como a felicidade de contemplar a face de Deus. Esta esperança pode conotar a experiência de paz no santuário, junto de Deus, como se ali vivesse dia e noite e despertasse pela manhã.
  2. Aceita-se como provável que ħelbamo corresponde a ħeleb libbamo, por ditografia. Os LXX já entenderam o texto hebraico com o significado de: A sua gordura tornou-os fechados.
  3. Mais uma vez, os vv. 14-15 contrapõem as metas de satisfação e felicidade limitadas a este mundo e as expetativas que animam o justo de se saciar com a presença de Deus, ao despertar ou ressuscitar.



Salmos

1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18   19   20   21   22   23   24   25   26   27   28   29   30   31   32   33   34   35   36   37   38   39   40   41   42   43   44   45   46   47   48   49   50   51   52   53   54   55   56   57   58   59   60   61   62   63   64   65   66   67   68   69   70   71   72   73   74   75   76   77   78   79   80   81   82   83   84   85   86   87   88   89   90   91   92   93   94   95   96   97   98   99   100   101   102   103   104   105   106   107   108   109   110   111   112   113   114   115   116   117   118   119   120   121   122   123   124   125   126   127   128   129   130   131   132   133   134   135   136   137   138   139   140   141   142   143   144   145   146   147   148   149   150