Sl 108

From Biblia: Os Quatro Evangelhos e os Salmos
Jump to: navigation, search

108(107) Hino e súplica

 

1 Cântico. Salmo. De David.


2 O meu coração está firme, ó Deus[1],

o meu coração está firme!
Quero cantar e salmodiar! Anima-te, minha alma[2].

3 Despertai, harpa e lira,

que eu quero despertar a aurora!

4 Hei de louvar-te entre os povos, Senhor,

hei de cantar-te salmos entre as nações;

5 pois a tua misericórdia é mais alta que os céus

e a tua fidelidade chega até às nuvens.

6 Ó Deus, ergue-te acima dos céus

e enche a terra inteira da tua glória!

7 Para que os teus amigos sejam libertados,

mostra a tua direita salvadora e responde-me[3].


8 Deus falou no seu santuário:

«Com alegria repartirei Siquém[4]
e medirei o vale de Sucot!

9 É minha a terra de Guilead e de Manassés;

Efraim é o capacete da minha cabeça e Judá, meu cetro real.

10 Moab é a bacia em que me lavo;

sobre Edom ponho a minha sandália
e cantarei vitória sobre os filisteus».


11 Quem me conduzirá à cidade fortificada?

Quem me guiará até Edom?

12 Quem senão Tu, ó Deus, que nos rejeitaste

e já não sais, ó Deus, com os nossos exércitos!

13 Concede-nos ajuda contra o inimigo,

porque é vã a salvação que vem do homem.

14 Com Deus, havemos de fazer proezas:

e Ele calcará aos pés os nossos inimigos.



  1. Este é um salmo coletivo de súplica. Nele se apresenta o destino do povo sempre ligado com o destino da cidade de Jerusalém, representada pelo santuário do monte Sião, santuário de Deus. É dali que se afirma o seu domínio sobre as terras em volta. Os vv. 2-7 coincidem com o texto do Sl 57,8-12; e os vv. 8-14 aparecem no Sl 60,7-14. No entanto, o nome de Deus utilizado neste salmo é Elohim e não Javé, como nos Sl 57 e 60. Este facto significa que esta versão deve ser de um tempo mais tardio, quando o mundo hebraico tendia cada vez mais a não usar tanto o nome de Javé.
  2. Lit.: Anima-te, minha glória. A tradição que vem desde os LXX propõe a ideia de despertar já no v. 2. O termo hebraico kebodî pode referir-se à glória de Deus, à glória que sente aquele que salmodia e ainda ser um equivalente da alma do salmista. As simples consoantes do hebraico poderiam ainda ler-se kebedî (meu fígado), significando a pessoa humana. As traduções dividem-se entre estas alternativas.
  3. O texto correspondente do Sl 60,7 diz: responde-nos. E algumas traduções optam por aplicá-lo também neste salmo.
  4. Sobre o conteúdo dos vv. 8-14, cf. as notas aos vv. correspondentes do Sl 60.



Salmos

1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18   19   20   21   22   23   24   25   26   27   28   29   30   31   32   33   34   35   36   37   38   39   40   41   42   43   44   45   46   47   48   49   50   51   52   53   54   55   56   57   58   59   60   61   62   63   64   65   66   67   68   69   70   71   72   73   74   75   76   77   78   79   80   81   82   83   84   85   86   87   88   89   90   91   92   93   94   95   96   97   98   99   100   101   102   103   104   105   106   107   108   109   110   111   112   113   114   115   116   117   118   119   120   121   122   123   124   125   126   127   128   129   130   131   132   133   134   135   136   137   138   139   140   141   142   143   144   145   146   147   148   149   150