Difference between revisions of "Sl 23"

From Biblia: Os Quatro Evangelhos e os Salmos
Jump to: navigation, search
 
Line 1: Line 1:
 +
=== <span style="color:red">23(22)&nbsp;'''O bom pastor'''</span>===
 +
&nbsp;
  
 +
<span style="color:red"><sup>1</sup></span>&nbsp;''Salmo. De David.''
  
  
 +
O Senhor é meu pastor<ref name="ftn111">Este salmo é um exemplo maior de um salmo individual de confiança em Deus. Para exprimir o cuidado e a proteção que Deus vota ao seu povo, serve-se de uma metáfora particularmente bem enquadrada no modo de vida tradicional dos hebreus. Estes tinham vivido sobretudo dedicados à pastorícia. O seu caráter idílico e enternecedor envolve, no entanto, uma perspetiva teórica bem profunda e representativa da função de cuidar estendida a todo o povo. É que esta mesma metáfora serve para descrever a função dos reis, cujo governo se exprime também com o título de pastor. Este era o entendimento que se fazia das funções do rei entre os povos do antigo Oriente. O prólogo e o epílogo do código de Hamurábi documentam de forma clara este modo de pensar e na própria Bíblia os governantes são tratados frequentemente com a metáfora de pastores. Atribuir esse cuidado igualmente a Deus significa que, se o rei não cuidar suficientemente, Deus o fará.</ref>, nada me falta,
  
 +
<span style="color:red"><sup>2</sup></span>&nbsp;:</nowiki>em verdes prados me leva a descansar.
  
 +
Conduz-me às águas refrescantes
  
 +
<span style="color:red"><sup>3</sup></span>&nbsp;@</nowiki>:e reconforta a minha alma.
 +
 +
Ele guia-me pelos caminhos retos,
 +
 +
:por amor do seu nome<ref name="ftn112">O nome define e representa a pessoa. Os atributos que definem a nossa conceção de Deus exprimem o modo como Ele se relaciona e intervém na vida humana.</ref>.
 +
 +
<span style="color:red"><sup>4</sup></span>&nbsp;Mesmo que eu ande por vales tenebrosos,
 +
 +
:não temerei mal algum.
 +
 +
Porque Tu estás comigo,
 +
 +
:a tua vara e o teu cajado me dão coragem.
 +
 +
<span style="color:red"><sup>5</sup></span>&nbsp;Preparas a mesa para mim<ref name="ftn113">A partir dos significados sugeridos pela metáfora do pastor, o salmista descreve os cuidados pessoais e sociais mais significativos que o Deus pastor proporciona, nomeadamente satisfação face aos inimigos, felicidade e presença nas celebrações do templo.</ref>,
 +
 +
:à vista dos meus inimigos.
 +
 +
Com óleo me perfumaste a cabeça,
 +
 +
:e a minha taça ficou a transbordar.
 +
 +
<span style="color:red"><sup>6</sup></span>&nbsp;Sim, a bondade e a misericórdia me acompanharão
 +
 +
:todos os dias da minha vida.
 +
 +
E habitarei na casa do Senhor<ref name="ftn114">Ou: ''e voltarei à casa do Senhor.''</ref>,
 +
 +
:ao longo dos dias.
  
  

Latest revision as of 14:59, 17 December 2019

23(22) O bom pastor

 

1 Salmo. De David.


O Senhor é meu pastor[1], nada me falta,

2 :</nowiki>em verdes prados me leva a descansar.

Conduz-me às águas refrescantes

3 @</nowiki>:e reconforta a minha alma.

Ele guia-me pelos caminhos retos,

por amor do seu nome[2].

4 Mesmo que eu ande por vales tenebrosos,

não temerei mal algum.

Porque Tu estás comigo,

a tua vara e o teu cajado me dão coragem.

5 Preparas a mesa para mim[3],

à vista dos meus inimigos.

Com óleo me perfumaste a cabeça,

e a minha taça ficou a transbordar.

6 Sim, a bondade e a misericórdia me acompanharão

todos os dias da minha vida.

E habitarei na casa do Senhor[4],

ao longo dos dias.



  1. Este salmo é um exemplo maior de um salmo individual de confiança em Deus. Para exprimir o cuidado e a proteção que Deus vota ao seu povo, serve-se de uma metáfora particularmente bem enquadrada no modo de vida tradicional dos hebreus. Estes tinham vivido sobretudo dedicados à pastorícia. O seu caráter idílico e enternecedor envolve, no entanto, uma perspetiva teórica bem profunda e representativa da função de cuidar estendida a todo o povo. É que esta mesma metáfora serve para descrever a função dos reis, cujo governo se exprime também com o título de pastor. Este era o entendimento que se fazia das funções do rei entre os povos do antigo Oriente. O prólogo e o epílogo do código de Hamurábi documentam de forma clara este modo de pensar e na própria Bíblia os governantes são tratados frequentemente com a metáfora de pastores. Atribuir esse cuidado igualmente a Deus significa que, se o rei não cuidar suficientemente, Deus o fará.
  2. O nome define e representa a pessoa. Os atributos que definem a nossa conceção de Deus exprimem o modo como Ele se relaciona e intervém na vida humana.
  3. A partir dos significados sugeridos pela metáfora do pastor, o salmista descreve os cuidados pessoais e sociais mais significativos que o Deus pastor proporciona, nomeadamente satisfação face aos inimigos, felicidade e presença nas celebrações do templo.
  4. Ou: e voltarei à casa do Senhor.



Salmos

1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18   19   20   21   22   23   24   25   26   27   28   29   30   31   32   33   34   35   36   37   38   39   40   41   42   43   44   45   46   47   48   49   50   51   52   53   54   55   56   57   58   59   60   61   62   63   64   65   66   67   68   69   70   71   72   73   74   75   76   77   78   79   80   81   82   83   84   85   86   87   88   89   90   91   92   93   94   95   96   97   98   99   100   101   102   103   104   105   106   107   108   109   110   111   112   113   114   115   116   117   118   119   120   121   122   123   124   125   126   127   128   129   130   131   132   133   134   135   136   137   138   139   140   141   142   143   144   145   146   147   148   149   150