Difference between revisions of "Sl 131"

From Biblia: Os Quatro Evangelhos e os Salmos
Jump to: navigation, search
(Created page with " ---- <references/> == Salmos == 1   2   3   4   5   6   7   [...")
 
 
Line 1: Line 1:
 +
=== <span style="color:red">131(130)&nbsp;'''Oração de humilde confiança'''</span>===
 +
&nbsp;
  
 +
<span style="color:red"><sup>1</sup></span>&nbsp;''Cântico das peregrinações. De David''.
  
  
 +
Senhor, o meu coração não é orgulhoso<ref name="ftn772">Este salmo individual de confiança manifesta a serenidade de espírito por parte de alguém que se sente animado pelo Senhor (v. 3). O seu estado de alma, expresso com a metáfora de uma criança no colo da mãe depois de ser amamentada, situa o orante numa tranquilidade de infância espiritual e reconcilia-o consigo mesmo. Com este desdobramento entre si e a sua alma, o salmista está a identificar-se como sendo filho e mãe de si mesmo. </ref>
  
 +
:nem os meus olhos são altivos.
  
 +
Não corro atrás de grandezas
  
 +
:ou coisas demasiado grandiosas para mim.
  
 +
<span style="color:red"><sup>2</sup></span>&nbsp;Pelo contrário! Estou sossegado e de alma tranquila.
 +
 +
:Como criança saciada ao colo da mãe
 +
 +
:está a minha alma saciada no meu colo<ref name="ftn773">Esta imagem de proteção maternal pode também ser referida a Deus, como acontece em Sl 32,20-22; 130,6s.</ref>.
 +
 +
<span style="color:red"><sup>3</sup></span>&nbsp;Que Israel espere no Senhor,
 +
 +
:desde agora e para sempre.
  
  

Latest revision as of 10:42, 18 December 2019

131(130) Oração de humilde confiança

 

1 Cântico das peregrinações. De David.


Senhor, o meu coração não é orgulhoso[1]

nem os meus olhos são altivos.

Não corro atrás de grandezas

ou coisas demasiado grandiosas para mim.

2 Pelo contrário! Estou sossegado e de alma tranquila.

Como criança saciada ao colo da mãe
está a minha alma saciada no meu colo[2].

3 Que Israel espere no Senhor,

desde agora e para sempre.



  1. Este salmo individual de confiança manifesta a serenidade de espírito por parte de alguém que se sente animado pelo Senhor (v. 3). O seu estado de alma, expresso com a metáfora de uma criança no colo da mãe depois de ser amamentada, situa o orante numa tranquilidade de infância espiritual e reconcilia-o consigo mesmo. Com este desdobramento entre si e a sua alma, o salmista está a identificar-se como sendo filho e mãe de si mesmo.
  2. Esta imagem de proteção maternal pode também ser referida a Deus, como acontece em Sl 32,20-22; 130,6s.



Salmos

1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18   19   20   21   22   23   24   25   26   27   28   29   30   31   32   33   34   35   36   37   38   39   40   41   42   43   44   45   46   47   48   49   50   51   52   53   54   55   56   57   58   59   60   61   62   63   64   65   66   67   68   69   70   71   72   73   74   75   76   77   78   79   80   81   82   83   84   85   86   87   88   89   90   91   92   93   94   95   96   97   98   99   100   101   102   103   104   105   106   107   108   109   110   111   112   113   114   115   116   117   118   119   120   121   122   123   124   125   126   127   128   129   130   131   132   133   134   135   136   137   138   139   140   141   142   143   144   145   146   147   148   149   150